15/08/2011

Say What You Need to Say


Querido. Mais que querido, Amor,
Pensei várias vezes em como lhe escrever e como utilizar as palavras certas nesta carta, pensei até em não escrevê-la, mais não consigo te deixar ignorante.
Andei refletindo em como te dizer tamanha crueldade.
Pensei em mentir e te livrar da  talvez feliz depressão.
Pensei também em omitir, mas sei que meus olhos iriam lhe revelar a verdade
Na verdade, sei que seus olhos iriam acabar escorregando nas próprias lágrimas.
Não há mais como te beijar sem pensar nas duras palavras que poderão sair da minha boca
Pois a realidade está ai, na sua forma mais crua, estampado nos lençóis 
Estampado como nas flores das xícaras que me deu
Entalado e ao mesmo tempo em um exagerado modo de sentir
Te amei a primeira vez que cruzei com seu olhar, te amo como se não bastasse te ter
Te quero como se não tivesse, 
Te quero de um jeito que nunca tive, e que fique bem claro.
Desculpe pela rude forma de lhe dizer tais absurdos em minha atordoada mente
Desculpe por não te perdoar como tanto quero.
Mas hoje não acordou ao meu lado na cama e provavelmente perdeu a hora pois não sentiu o cheiro do café quente de toda manhã.
Isso acontece pois descobri que não me ama. Sim. Descobri.
Percebi a mentira do seu olhar.
E por mais que me doa abrir os olhos, tenho que fazê-lo, pois fechar seria como aceitar sua recusa.
Acordei decidida a te fazer feliz. E por isso, meu mais que querido amor, te deixo enfim livre.
Livre pra amar quem tanto ama em silêncio.
Livre o suficiente.
Não sei se ainda viu, mas deixei nossas fotos com você.
Faça o que quiser com elas, mas não queime-as, não as deixe solitárias.
Apenas reviva alguns instantes que tivemos e talvez se sentir algum vazio inexplicável em teu peito, acenda a fogueira 
Acenda-a e aqueça tua pele de fora pra dentro, como eu mesma faria se ainda tivesse algum lugar no teu coração.

6 comentários:

Compartilhando Sentidos disse...

Oi, vim por causa do orkut, mas fiquei (segui) por que gostei daqui. Muito bacana teu blog, teus textos e as escolhas das imagens!

Vou voltar, com certeza.

Jorge Lima disse...

#morri/ Isto que é texto!
"Acenda-a e aqueça tua pele de fora pra dentro, como eu mesma faria se ainda tivesse algum lugar no teu coração." Inspirador

Stella Valim disse...

Uau, QUE TEXTO MAIS LINDO.
Olha, é raro alguém deixar a pessoa livre assim, livre para amar quem ela quer, e é ainda mais raro alguém que veja que o seu maior amor não te ama, mais quando vê acho que tenta esconder de si mesma. Acho que se isso acontecer comigo, eu iria fazer o mesmo que a moça do texto fez, deixa-lo livre para amar quem ele quiser. amei.

Bruna Duarte disse...

Que bom que gostaram geeeente .. é isso que tanto me motiva e me inspira pra fazer esses textos ... brigadãaao mesmo.

Ana Carolina Lima Da Rosa disse...

Lindo texto.
seu blog é lindo e bem suave o lay *-*

Marina Paz disse...

Que texto triste, lindo, inspirador!!! Me senti como se fosse a mulher do texto!!!! Parabéns.
Ah, e obrigada pelos elogios do meu blog! heheh gostei daqui! estou te seguindo. beijoss

Postar um comentário

Comentários